Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2019
Noticias Locais

Sem predador natural, Superpopulação de pombos é problema em Catanduva.

Praças, rodoviária, e até escolas ficam sujos por conta das aves.

Publicada em 06/09/19 às 08:54h - 85 visualizações

por VOX FM


Compartilhe
   

Link da Notícia:

DIVULGAÇÃO  (Foto: VOX FM)

Sem predador natural, os pombos tem causado transtorno e preocupação aos cidadãos de Catanduva. A superpopulação dessas aves é um problema registrado em vários pontos da cidade. A maior preocupação é principalmente por doenças que podem ser transmitidas pelas fezes do pombo. 

Eles são atraídos principalmente por restos de comida e até mesmo por pessoas que alimentam essas aves. 

Ainda segundo a prefeitura, um dos pontos mais problemáticos em Catanduva é a Praça da República, assim como as Praças Monsenhor Albino e 09 de Julho. No terminal rodoviário e em escolas, os pombos também tem feito seus ninhos. 

Em resposta a questionamentos de O Regional, a prefeitura afirmou que nas praças centrais é feita a limpeza frequente do piso e poda constante nas árvores, a fim de afastar os pombos. 

No Terminal Rodoviário, de acordo com a Secretaria de Trânsito e Transportes Urbanos (STU), o problema será resolvido com a contratação de empresa que realizará a vedação do telhado – local que ainda está sendo utilizado como alojamento pelas aves. Essa contratação foi finalizada nos últimos dias. 

Já a Secretaria de Educação explica que foram atendidas inicialmente duas escolas que registraram ocorrências envolvendo as aves. É o caso do CAIC, no Solo Sagrado, e do Armando Prandi, na Vila Soto. Nessas instituições, a própria direção realizou o desalojamento dos pombos. Como medida preventiva, a Secretaria de Educação trabalha com a proposta de abertura de um pregão, para que o serviço possa ser desenvolvido não só nas duas escolas citadas, como também em todas as instituições de ensino da rede municipal, uma forma de combater o surgimento das aves.

Caso semelhante se deu na escola do Nova Catanduva, onde a direção pretende adquirir e testar um equipamento sonoro que afugenta as aves, até que a medida definitiva seja estabelecida.


Entre as doenças que são causadas por pombos, estão:

- criptococose: transmitida pela inalação da poeira contendo fezes secas de pombos. Compromete o pulmão e pode afetar o sistema nervoso central, causando alergias, micose profunda e até meningite subaguda ou crônica.

- dermatites: parasitose causada pelo piolho do pombo, que provoca erupções na pele e coceiras semelhantes às de picadas de insetos.

- histoplasmose: doença provocada por fungos que se proliferam nas fezes de aves e morcegos. A contaminação ao homem ocorre pela inalação dos esporos (células reprodutoras do fungo).

- ornitose: doença infecciosa provocada por bactérias. A contaminação ao homem ocorre pelo contato com aves portadoras da bactéria ou com seus dejetos.


É muito importante para a saúde controlar a população de pombos, fazendo com que eles procurem locais mais adequados para viver.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (17)9 9723-1013

Visitas: 541605
Usuários Online: 50
Copyright (c) 2019 - VOX FM - SAUDADE É A NOSSA ESPECIALIDADE